quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Uma normalidade que enjoa

Há dez mil alunos sem professor em Sintra 

Comentário: São diversas as notícias nos meios de comunicação que revelam ao país que não estamos num ambiente de normalidade. É de forma inequívoca, o exato contrário... Tudo bem que Nuno Crato já admitiu erros, no entanto, continuo a acreditar que a única consequência de tanta "normalidade" (a demissão do diretor-geral da Administração Escolar) foi demasiado "branda" perante a gravidade constatada.

2 comentários:



  1. Só apoiamos quando for nomeado um Ministro da Educação que dê emprego a todos os professores sem excepção.

    Até lá fazemos greves e protestos durante o ano.

    E que nos aumente o vencimento todos por igual: 12.000 euros mensais mais ajudas de custo, casa, luz,água,e ajuda para refeições diárias no valor 50 euros por dia,e táxis à porta para deslocamentos de ida e volta.

    ResponderEliminar


  2. Mesmo assim não ficávamos satisfeitos, ainda queremos mais e mais

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...