terça-feira, 10 de setembro de 2013

Parto complicado

Pois bem... Ao contrário daquilo que se poderia pensar (resultado de alguns indícios, como por exemplo, os prazos dados às escolas para pedidos de horário - que terminou no passado dia 4 de setembro - ou mesmo o manual do candidato para reservas de recrutamento - divulgado ontem), começo a acreditar que afinal este MEC irá cumprir com o tradicional fim da segunda semana de setembro para publicitar a primeira reserva de recrutamento.

Espero estar enganado, mas parece-me que o MEC está a fazer de tudo para colocar o mínimo de professores contratados possível. Só pode ser isso... Tão perto do início de um novo ano letivo e com tantos milhares de professores necessários ao sistema por colocar, não consigo encontrar um argumento forte para justificar a previsível confusão.

No entanto, e como estamos a falar de uma reserva de recrutamento em que os colegas colocados (após aceitação na plataforma SIGRHE) têm de se apresentar no agrupamento de escolas ou escola não agrupada no prazo de 48 horas, correspondentes aos dois primeiros dias úteis após a respetiva colocação (e ainda por cima temos neste bolo da reserva, uma grande fatia de colegas dos quadros que recebem o mesmo independentemente do dia em que se forem apresentar), não me parece que o MEC queira atrasar até 6.ª feira, a publicitação das listas de colocação da primeira reserva de recrutamento.

9 comentários:

  1. Ricardo, as informações valem o que valem, mas soube, no passado sábado, pela voz de um Diretor, que as colocações sairiam na quarta, dia 11.

    ResponderEliminar
  2. E sabe o que me custa mais ainda?
    Não vermos os sindicatos a pressionar para que pelo menos definam uma data para terminar com esta ansiedade gerada pela incerteza... Sindicatos para quê afinal?...
    Adiante... venha mais um dia de stress...

    ResponderEliminar
  3. valerá mesmo apena hoje em dia em portugal ser professor? para isto é que se estuda e se gastam milhares de euros em estudos...??

    http://ocarteiravazia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  4. Ricardo, quando referes "ainda por cima temos neste bolo da reserva, uma grande fatia de colegas dos quadros que recebem o mesmo independentemente do dia em que se forem apresenta", por lapso, esqueceste-te de referir os Professores contratados, que, segundo o MEC, vão receber também a partir do dia 1? Ou estar a tentar dizer-nos que só os Professores do quadro receberão desde o dia 1?

    ResponderEliminar
  5. 72 horas, Ricardo.
    A Contratação inicial tem um prazo de 72 horas para apresentação.
    A RR1 será apenas para os quadros e para os contratados tem de sair uma lista como contratação inicial.

    ResponderEliminar
  6. Não esquecer que além de ser a RR1 também será a Contratação inicial e como tal 72h para apresentação.

    ResponderEliminar
  7. Parece que vai ser mesmo na sexta...

    ResponderEliminar
  8. E com este atraso o MEC consegue passar todos os contratados para o regime da segurança social. Mais... consegue que um dos fundamentos utilizados para a vinculação dos contratados (contratos ININTERRUPTOS) caia. Já passaram 10 dias desde a cessação do último contrato! Muito conveniente para o MEC não?

    ResponderEliminar
  9. Os sindicatos pressionam SIM. Não esquecer que nem tudo o que os sindicatos fazem é transmitido pela comunicação social.
    Inclusivamente, existe HOJE uma reunião convocada de emergência para discutir as questões de concursos e colocações. Se querem esclarecimentos adicionais, CONSULTEM as páginas dos sindicatos ao invés de esperar que informação vos entre pela casa adentro através da imprensa, que não a transmite.
    Detalhes sobre a reunião de hoje podem ser consultados na página da fenprof, além do comunicado da execução desta.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...