quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

"Ex-ministros divididos sobre horas de trabalho de professores"



(Diário de Notícias, 12-12-2012)

Comentário: Curioso como ainda é possível dizer "mata" quando outros prometem "esfolar"... Como se a proposta de acréscimo de 5 horas no horário semanal dos professores não fosse suficientemente má, ainda aparece Couto dos Santos a sugerir terminar com as reduções da componente letiva. 

Definitivamente somos um alvo... Um alvo estático, amorfo e acomodado.


Nota: Cliquem nas imagens para aumentar.

4 comentários:

  1. Nota-se mesmo que os ministros (porque ministros nunca o deixaram de ser, fartam-se de ganhar subvenções do Estado)falam sem conhecer a realidade do sistema educativo em Portugal. Visitem as escolas e vão ver que em 90% das escolas em Portugal, os "professores" só não dormem lá porque não têm cama! Dedicam-se intensamente aos seus alunos, os alunos raramente os valorizam, a sociedade crucifica constantemente os professores, a maioria das famílias "depositam" os filhos na escola e não se preocupam mais com isso. O professor anda de transportes público ou tem de ir em carro próprio, o professor utiliza o seu computador para definir estratégias e planificar, criar recursos educativos... o professor paga as fotocópias (porque ainda são necessárias cópias nas aulas, apesar do professor já ser professor eco...), o professor defende a escola o mais que pode e o deixam... e depois ouvimos comentários balofos, superficiais, demagógicos... Façam uma pesquisa na internete que facilmente verão quais são os professores que trabalham mais e ganham menos, e poderão ter a certeza que ficarão chocados, ou não!! dependendo da ignorância de cada um.
    Cortem sim nas regalias de quem nos governa e cria leis, cortem em despesas banais como festas para ministros e outras blas blas, blas... criminalizem quem nos levou ao estado em que estamos...
    A LUTA CONTINUA!

    ResponderEliminar
  2. Couto dos Santos não sabe do que fala. Fica a questão: como é que este tipo conseguiu chegar a Ministro da Educação? E, depois de ter passado pelo ME, ainda se dá ao luxo de dizer o que diz. É preciso descaramento!

    ResponderEliminar
  3. Este Couto dos Santos fez afirmações próprias de um facínora. Depois de ser Ministro andou desaparecido, mas voltou para aproveitar o "tacho" de deputado por Aveiro.
    Não há dúvidas. Nas próximas eleições autárquicas não podemos votar nem no PSD, nem no CDS. Bem sei que nesse escrutínio não é a política do governo que está em avaliação. Porém, temos de aproveitar a oportunidade para castigar os partidos que apoiam este governo, que "é fraco com os fortes e forte com os fracos".

    ResponderEliminar
  4. Não me identifico com as afirmações de Couto dos Santos.
    Não tenho dúvidas. Nas próximas eleições autárquicas não podemos votar no PSD e no CDS. Bem sei que nesse escrutínio não é o governo que está e avaliação. Porém, temos de aproveitar a oportunidade para castigar o PSD e o CDS. São "fracos com os fortes, mas fortes com os fracos".

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...