terça-feira, 18 de setembro de 2012

Por Vila Real...

4 comentários:

  1. Na minha opinião estas novas estruturas dos novos centros escolares não serão de longevidade...material de má qualidade...não há dinheiro para manutenção...nem para nada...Os encarregados de educação por vezes acham que as escolas são maravilhosas,porque estão pintadas,bonitas...enfim...com um aspeto delicioso...analisando a maior parte dos centros escolares...onde estão os recreios para as crianças brincarem?!Para além de um bocado de cimento,que se caem lá,queimam-se todos no próprio...o espaço acaba por ser um pouco escasso,para não falar da palermice de todos os anos de ensino partilharem o mesmo...o que tem a ver,afinal uma criança de 4 anos com uma do 4ºano???!!!Para que se querem estas escolas,se falta a essência de tudo?O bom ensino,os bons professores(quando digo bons professores,refiro-me á insatisfação da classe,á desmotivação...)e onde anda um número suficiente de auxiliares para a vigilância de tantas crianças?Andam ao abandono,é o que é...não me venham com teorias...as crianças são felizes no campo, em recreios grandes,onde possam correr,escolas com aquecimento,mas se for preciso escolas com menos bens materiais e mais bens humanos, mais carinho e mais aprendizagem...Vejo os novos centros como aprisionamentos com corredores estreitos e claustrofóbicos "sem vista para fora..."Eu...optei por pôr o meu filho com 7 anos na escola mais velhinha da cidade de Bragança,onde tenha proximidade com os adultos...onde existe um recreio antigo para correr e saltar e onde não ande com medo de se encontrar com crianças de outros ciclos que gostam de bater nos mais novos...e onde nunca ninguém vê nada...este é o modelo de escola que quero para ele, enquanto ainda existir...

    ResponderEliminar
  2. Isto acontece por todo o lado.
    No entanto, há quem resista!
    Na minha freguesia há uma escola do 1ºCiclo com poucos alunos mas estão os 4 níveis com o mesmo professor (que é um bocado baldas, por sinal). Neste caso, acho que era preferível terem ido todos embora, para a escola que fica a cerca de 6Km e que cada um fosse integrado na turma do seu nível de ensino.

    ResponderEliminar
  3. O ESTADO DO PAIS

    UM EXEMPLO:

    O Sr. Dr. Vasco Franco há 4 anos atrás tinha o antigo 5º ano do Liceu (9º ano de escolaridade actual) por equiparação do Curso Comercial. Entretanto, formou-se com 18 (dezoito) valores na Universidade Lusófona - ULHT (atenção: não foi na Independente, hein!!!).
    Assim, na ULHT, propriedade de um dos chefões da Maçonaria, cuja mulher foi eleita deputada pelo PS nestas legislativas e fez parte das listas autárquicas de 2009 em Lisboa (coincidências), cidade onde tem várias obras embargadas nos seus colégios e escolas (mais coincidências, é claro), o sr. Franco passa a Sr. Dr. Franco, mais rapidamente ainda do que o Sr. Eng. Sócrates e pelo menos tão rapidamente como o Sr. Dr. Vara, ambos na Independente.
    Ou seja, continuamos e aprimoramos. Viva Portugal!

    Com o 9º ano, 50 anos de idade e reforma de mais de € 3.000 euros... até parece gozo...

    CHAMAR-LHE ESCÂNDALO É POUCO!

    O Presidente da República não deve saber desta. Será que alguém lhe pode enviar a notícia?

    ENTÃO É ASSIM!

    vascofranco.jpegApesar de ter apenas 50 anos de idade e de gozar de plena saúde, o socialista Vasco Franco, número dois do PS na Câmara de Lisboa durante as presidências de Jorge Sampaio e de João Soares, já está reformado.

    A pensão mensal que lhe foi atribuída ascende a € 3.035 euros (608 contos), um valor bastante acima do seu vencimento como vereador.

    A generosidade estatal decorre da categoria com que foi aposentado - técnico superior de 1ª classe, segundo o «Diário da República» -apesar de as suas habilitações literárias se ficarem pelo antigo Curso Geral do Comércio, equivalente ao actual 9º ano de escolaridade.

    A contagem do tempo de serviço de Vasco Franco é outro privilégio raro, num país que pondera elevar a idade de reforma para os 68 anos, para evitar a ruptura da Segurança Social.

    O dirigente socialista entrou para os quadros do Ministério da Administração Interna em 1972, e dos 30 anos passados só ali cumpriu sete de dedicação exclusiva; três foram para o serviço militar e os restantes 20 na vereação da Câmara de Lisboa, doze dos quais a tempo inteiro.

    Vasco Franco diz que é tudo legal e que a lei o autoriza a contar a dobrar 10 dos 12 anos como vereador a tempo inteiro.

    vasco.jpgTriplicar o salário - Já depois de ter entregue o pedido de reforma, Vasco Franco foi convidado para administrador da Sanest, com um ordenado líquido de € 4.000 euros mensais (800 contos). Trata-se de uma sociedade de capitais públicos, comparticipada pelas Câmaras da Amadora, Cascais, Oeiras e Sintra e pela empresa Águas de Portugal, que gere o sistema de saneamento da Costa do Estoril.

    O convite partiu do reeleito presidente da Câmara da Amadora, Joaquim Raposo, cuja mulher é secretária de Vasco Franco na Câmara de Lisboa. O contrato, iniciado em Abril, vigora por um período de 18 meses.

    A acumulação de vencimentos foi autorizada pelo Governo PS mas, nos termos do acordo, o salário de administrador é reduzido em 50% - para € 2.000 euros - a partir de Julho, mês em que se inicia a reforma, disse ao Expresso Vasco Franco.

    Não se ficam, no entanto, por aqui os contributos da fazenda pública para o bolo salarial do dirigente socialista reformado. A somar aos mais de € 5.000 euros da reforma e do lugar de administrador, Vasco Franco recebe ainda mais € 900 euros de outra reforma, por ter sido ferido em combate em Moçambique já depois do 25 de Abril (?????), e cerca de € 250 euros em senhas de presença pela actuação como vereador sem pelouro.

    Contas feitas, o novo reformado Vasco Franco do PS, triplicou o salário que auferia no activo, ganhando agora mais de 1200 contos limpos. Além de carro, motorista, secretária, assessores e telemóvel


    EDUCAÇÃO, SEGURANÇA SOCIAL, ÉTICA, ECONOMIA, FUTURO DO PAÍS.

    ResponderEliminar
  4. a estes é que têm que cortar.
    os funcion´rios publicos e os reformados recebem um unico ordenado e trabalham ou trabalharam e descontaram para tal.aí é que devem cortar e há por aí muitos felizardos á solta.
    reformas aos montes por 2 dias de trabalho,mordomias ,carros,cartoes,telemoveis.
    eu,pago tudo da minha reforma e ainda ajudo filhos e netos a não morrerem á fome.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...