quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Para quem progride em 2010.

O Paulo G. fez um alerta que considero ser demasiado importante para não ser divulgado. Esta situação já havia sido sujeita a uma chamada de atenção pelo colega "Advogado do Diabo" num comentário ao post "Teimosos como burros...". Aliás, aconselho que a divulguem pelos vossos contactos de email... Assim:

"O truque está oculto no 270/2009 (ver p. 6) e era bom que quando passassem as consequências do acordo a limpo se lembrassem de alterar isto, pois esta disposição transitória pode implicar que um docente que transite de escalão a 1 de Janeiro de 2010, tendo o 1º ciclo de ADD terminado em 31 de Dezembro de 2009, tenha de esperar até ao fim do ano para receber o que lhe é devido e submeter-se a uma apreciação (???) intercalar em moldes não explicitados e de acordo com uma lógica que deriva directamente do mais raquítico tubérculo:

b) Os docentes que preencham o requisito de tempo de serviço no ano civil de 2010 podem progredir ao escalão seguinte da categoria desde que, cumulativamente, tenham obtido na avaliação de desempenho referente ao ciclo de avaliação 2007 -2009 a menção qualitativa mínima de Bom e que, a requerimento dos próprios, seja efectuada, em 2010, uma apreciação intercalar do seu desempenho para efeitos de progressão e que a menção qualitativa obtida seja igual ou superior a Bom;"

13 comentários:

  1. Ricardo
    A minha chamada de atenção também se aplica aos contratados. Afinal, sem avaliação o tempo não conta.
    Portanto, estes dois grupos (contratados e quem pode progredir em 2010) deve ter cuidado. Mais vale prevenir do que esperar por um remedio desconhecido!

    ResponderEliminar
  2. Exacto... Tens toda a razão. No entanto este alerta não deveria partir de blogues, mas sim dos sindicatos. Será que andam distraídos?

    ResponderEliminar
  3. Boa noite, Ricardo.
    Como foi referido, os contratados têm que ser avaliados. O problema é saber como vai ser feita essa avaliação. Temos que ter aulas assistidas? temos que entregar os objectivos individuais? Quais são as fichas de autoavaliação que temos que preencher? Na minha escola não há respostas. Esta situação está a deixar o pessoal contratado stressado...

    ResponderEliminar
  4. Tem toda a razão,mas o alerta deve partir da secretaria da escola;
    o contratado deve ser como os do quadro, informado do tempo de serviço e alertado para a situação.
    o pior é que o tempo,por vezes não conta em todas as escolas da mesma maneira e,de vez enquando lá estão os contratados a perderem dias...
    professora

    ResponderEliminar
  5. Fal-se em mudança de escalão mas com o congelamento de salários e de actualizações salariais, não fica a progressão tb congelada?

    ResponderEliminar
  6. Ricardo e restantes
    Por acaso, o alerta deve partir de cada um de nós. Cada um de nós é que deve conhecer a legislação. O ECD é uma daquelas leis que está na minha lista de leitura obrigatória. E esta questão faz parte do ECD.

    ResponderEliminar
  7. Para cilinha: Por uma questão de salvaguarda, o melhor mesmo é solicitares por escrito esse esclarecimento à secretaria da tua escola.

    Pelo menos, se estivesse nessa situação era o que faria.

    ResponderEliminar
  8. Para Advogado do Diabo: Tu percebeste o que eu queria dizer. Bem sei que o alerta deve partir de nós, no entanto, os sindicatos também poderiam fazer o seu papel (nem que fosse apenas ao nível dos seus associados).

    ResponderEliminar
  9. E achas que não fazem Ricardo?

    ResponderEliminar
  10. Ricardo, obrigada pela resposta. Vou seguir o seu conselho. Só não entendo porque é que é à secretaria que tenho que pedir esclarecimento por escrito e não ao Orgão de Gestão. Não é desse Orgão emanam as directrizes da avaliação? É normal os quadros fazerem esse pedido à secretaria porque têm de conhecer o seu tempo de serviço para saberem se têm que ser avaliados ou não. Os contratados não estão nessa situação.

    ResponderEliminar
  11. O SPRC está a avisar os docentes sobre essa questão.

    ResponderEliminar
  12. Bom dia,

    Tenho todas as condições para progredir do 2º para o 3º escalão.
    Na secretaria só me adiantam que estão a tratar das progressões de todos os professores ao mesmo tempo.
    Corre em surdina a informação que existem "ordens" dadas às escolas para "engonharem" toda a situação das progressões.
    Qual o procedimento a seguir? Algum requerimento por escrito?
    Como forçar a escola a efectivar a progressão?

    Grato pela atenção,
    Carlos Silva

    ResponderEliminar
  13. Acrescento apenas que a progressão deveria ter sido efectuada já em 2009.
    Tenho quase 6 anos no 2º escalão, mesmo descontando o congelamento.

    Carlos

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...