terça-feira, 10 de maio de 2016

E a pressão privada a surtir efeito...


Comentário: Acho bem que se esvaziem argumentos vazios utilizados pelas escolas privadas com contrato de associação, mas há que ter cuidado antes de ser prometerem situações que poderão ser injustas para quem não conseguir ser agraciado com um lugar numa escola desta tipologia. 

Deste modo, e quando leio que "o Ministério da Educação garante que algum daquele pessoal, docente e não docente, poderá acabar por ser absorvido pelas escolas públicas para onde sejam encaminhados os alunos", poderemos estar a ampliar injustiças. Não digo que tal não possa ser feito, mas cuidado com as ultrapassagens... Embora já se verifique, não é bom que algumas metodologias utilizadas para arranjar trabalho na escola privada sirvam de passaporte para um lugar no público. Não nos podemos esquecer que nos últimos anos forma "dispensados mais de 20 mil professores que estavam a contrato nas escolas públicas".

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...