quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Das rescisões...

Educação gasta quase 200 milhões em rescisões 

Comentário: Este número ultrapassa claramente aquele que foi inicialmente previsto por Nuno Crato (que julgo seria próximo dos 90 milhões), no entanto, é importante recordar que apenas foram autorizados cerca de metade dos pedidos de rescisão.

Dizem que o programa de rescisões dos professores foi o mais concorrido da Administração Pública... É natural. Com tanta insatisfação e com o escola portuguesa num nível de qualidade de "chorar por menos", o melhor mesmo será sair o mais rapidamente, mesmo que tal decisão implique perdas financeiras.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...