quinta-feira, 3 de abril de 2014

Mais um daqueles estudos...

Indisciplina nas aulas aumentou e falta formação para resolver problemas 

Comentário: ... que constatam o óbvio. A indisciplina aumentou acima de tudo com o contributo dos políticos que nos removeram o principal instrumento que possuíamos para a implementar, ou seja, a autoridade. Perdemos a autoridade em menos de uma década, no entanto, levará bem mais do que isso a restabelece-la (e isso se os políticos assim o quiserem... algo que não me parece que irá acontecer a curto prazo).

Quanto à formação para gerir conflitos... Bem... Nunca a tivemos. Aquilo que fazemos (e é muito) é baseado na experiência pessoal. E se quando temos aproximadamente 30 alunos dentro de uma sala de aula (que não foi "desenhada" para esse número) a gestão de comportamento já é tarefa hercúlea, quando estamos perante alunos do ensino profissional ou vocacional, só mesmo com um esforço extraordinário se conseguem gerir personalidades díspares e fundamentalmente desmotivadas.

Mais do que constatações, agradecem-se recomendações e algum tipo de intervenção positiva por parte de quem nos governa. E atenção que não basta legislar, é necessária fornecer às escolas instrumentos que efetivamente consigam inverter o rumo da indisciplina e da falta de educação.

3 comentários:

  1. Os 30 alunos por turma e outras medidas vieram para atirar uns quantos professores para fora do ensino. Agora falam em indisciplina e insucesso...
    Não pode haver milagres!
    É a política do "fazer mais com menos". Para um matemático, anda a fazer muito mal as contas.

    ResponderEliminar
  2. Quando abunda a inversão da lógica das coisas; quando assistimos ao desfile de calçudos e nhocas descaracterizadas e sem capacidade de reflectir pelas próprias cabeças e embriagados/as pelas denominadas "pedagogias cor de rosa", dá nisto que se vê por aí!! Toda a criança e jovem PRECISA de farol orientador, mas toda a sociedade tem de estar em sintonia com palavras de ordem, tais como, Respeito e Disciplina!!!! em CASA e na ESCOLA!!! e, claro, as instituições funcionarem.........

    ResponderEliminar
  3. Além da restrição ao professor de exercer sua autoridade em sala de aula, têm os pais que julgam os filhos sendo os melhores e mais comportados do mundo. Antes, o professor chamava os pais na escola e os responsáveis já procuravam educar o filho. Hoje, se o professor faz isso, o primeiro a ser mal educado é o próprio pai do aluno.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...