quarta-feira, 12 de março de 2014

É melhor esperarem sentados

Sindicatos querem o fim da contratação pelas escolas 

Comentário: O que realmente está em causa é a utilização de critérios e entrevistas dúbias que têm transformado a contratação de escola num processo repleto de dúvidas, de injustiças e até mesmo de ilegalidades (que por passividade de alguns têm atravessado anos letivos). Obviamente que os defensores da autonomia irão contrapor esta afirmação, mas já não dou para esse rosário. A autonomia "cega" não é resposta. Tal como não será resposta escolher sempre o mesmo candidato, afirmando que será "o melhor que eu conheço"... E será que não poderão existir melhores ou mais competentes?

Adiante.

De acordo com a notícia, para alguns sindicatos "o processo de reservas de recrutamento, com base na lista graduada, deve ser aplicado ao longo de todo o ano e não apenas até ao final do primeiro período letivo, independentemente de se tratar de preencher horários anuais ou temporários". A lista graduada não é um critério isento de problemas, mas parece-me que de todos os critérios será o mais imune a injustiças.

4 comentários:

  1. Infelizmente, parece-me que o melhor mesmo é deitado! Malditas contratações de escola. E a nova proposta quanto a isso não é melhor do que a anterior. Então uma pessoa vai concorrer a uma bolsa de escola, sem ter noção se vai haver horários, de que número de horas, a duração do contrato???? E depois se lhe sai na rifa um horário minúsculo terá que aceitar, mesmo que para isso tenha que passar fome! Ou então, não trabalhará mais durante esse ano letivo! Proposta injusta, ridícula...

    ResponderEliminar
  2. As contratações de Escola são o espelho que reflete o modo como os diretores deturpam a autonomia. Contornam a Lei como gostam de dizer. E, como não há regulador, vale tudo. E depois auto ititulam-se defensores da Escola Pública. Tristezas...

    ResponderEliminar
  3. falta lembrarem-se da subcontratação de professores...

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...