terça-feira, 26 de novembro de 2013

Obviamente que sim...

Os professores estão à espera dos tribunais? 

Comentário: Já se sabia que as imensas manifestações virtuais de indignação e repúdio pela prova de conhecimentos e capacidades não iriam encontrar reflexo em manifestações e ações no terreno. É tradição na nossa classe profissional...

A esmagadora maioria dos colegas contratados (e também dos quadros) acredita que a prova tem o seu maior inimigo nas ações colocadas em tribunal, pelos diversos sindicatos. Relativamente à questão da (suposta) desmobilização ou atenuação da contestação encontrar fundamento na eventual facilidade da prova, alerto para o facto daquilo que apareceu enquanto exemplos, não passar disso mesmo exemplos... tipologias... Aquilo que foi colocado no guia poderá não encontrar reflexo na prova.

Para além disso, recordo que as primeiras decisões dos tribunais, relativamente às providências cautelares deverão surgir ainda no decorrer do dia de hoje. Como tal, julgo que o dia de hoje e o de amanhã será extremamente importante ao nível das decisões pessoais (e para isso, também interessará o prazo limite de inscrição na prova - 18h desta 5.ª feira)

2 comentários:

  1. Espero, que todos os professores manifestem a mesma força que se notou na passada época de exames.Penso que os colegas do quadro não se vão acomodar à ideia de corrigirem as provas dos seus colegas contratados.Lembrem-se que todas ou a considerável maioria das piores medidas começaram com a "utilização" dos contratados como cobaias!
    Maria João

    ResponderEliminar
  2. Comigo podem contar: greve...

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...