quinta-feira, 13 de junho de 2013

MEC e sindicatos reunem amanhã

Ministro da Educação anuncia reunião com os sindicatos para sexta-feira  

Comentário: Espero sinceramente que os sindicatos não deitem tudo a perder... Os professores começam a voltar a acreditar que é possível fazer algo que trave a investida contra a classe e contra a educação em Portugal. Mas esse "acreditar" ainda está numa fase embrionária. Convém não abusar deste regresso à união, mas também é necessária cautela nas cedências ao MEC.

3 comentários:

  1. caro anónimo só erros ortográficos!
    não se esqueça que não se pode escrever ラ depois de プr

    ResponderEliminar
  2. Será que o Nogueira irá vender a nossa alma ao diabo ?

    ResponderEliminar
  3. “Tu! Sim, tu… não vires a cara fazendo de conta que não sabes que é
    contigo que estou a falar!
    Pois, é mesmo contigo que estás a pensar ir trabalhar na tua escola
    para vigiar exames aos
    quais eu me recuso comparecer porque vou fazer greve! Já estás a
    prestar-me atenção? Então
    ouve! Se entrares no secretariado e assinares a folha de presenças
    nunca mais deves abrir a
    boca para te queixares que te dói a cabeça porque os trinta meninos
    não se calam e tu não
    consegues fazer render a aula de quarenta e cinco minutos! Não podes
    voltar a dizer que
    chegas a meio do ano e nem sequer sabes o nome de mais de metade dos
    teus alunos, porque
    eles são tantos! Tens que deixar de te lamuriar que passas os
    fins-de-semana a preparar aulas, a
    ler trabalhos, a preparar e corrigir testes, e que por essas razões
    nunca te deitas antes das duas
    da manhã! Aquela história de que mal vês os teus filhos e quase nunca
    tens tempo para dar um
    passeio com eles e com o teu cônjuge, que já te olha de lado, é isso
    mesmo, história, porque
    não terás mais forma de o dizer a ninguém! Nem sequer terás
    credibilidade para dizer que te
    preocupas muito com os teus alunos, aqueles que mal conheces e de quem
    não sabes sequer o
    nome! Vais ter que deixar de lado aquele semblante artisticamente
    carregado quando dizes ter
    muita pena daqueles coitados que eram contratados e que agora estão
    desempregados, e
    mesmo dos outros que encontras na caixa de uma superfície comercial, e
    de quem até dizias
    serem excelentes professores e bons profissionais, para além de muito
    dedicados! Quanto ao
    mês que sobra quando acaba o teu salário, esquece, poupaste 50 euros
    ao assinar a folha de
    presenças, lembras-te? Faz-lhes bom proveito! E aqueles desabafos
    quando te vês na
    obrigação de atender mais um encarregado de educação, mas tens que
    registar as faltas,
    escrever e imprimir algumas cartas para enviar a outros encarregados
    de educação que nunca
    se dignam ir à escola, a não ser para tirar satisfações contigo sobre
    tudo e sobre nada do que se
    passou com o seu educando mas nunca para te apoiar nas estratégias a
    desenvolver para
    melhorar o aproveitamento desse mesmo educando, preencher registos e
    avisos de receção e
    até colar os selos nos envelopes… esquece! Para além disso lembra-te
    que um dia destes será a
    tua vez, porque vais envelhecer e tornar-te um empecilho para a escola
    que quer gente
    dinâmica e será dirigida por uns senhores que só querem resultados,
    custe o que custar, e por
    isso, mesmo tendo tu as articulações emperradas te enviarão para a
    mobilidade especial, o que
    teria piada se não fosse um caso sério! Lembra-te também que para tu
    teres turmas a mais com
    alunos a mais há muitos outros professores que não têm turmas
    nenhumas! E nunca te
    esqueças que a escolha foi tua… foste tu que assinaste a famigerada
    folha de presenças!”

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...