quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Como?

Directores culpam Ministério por “caos” nas contratações de escola 

Comentário: Se as culpas num nível inicial poderão ser imputadas ao MEC e aos sindicatos que assinaram o acordo que conduziu ao atual normativo legal dos concursos (e que prevê a possibilidade da utilização de sucritérios na contratação de professores ao nível de escola), penso que poucos serão os que têm dúvidas de que os maiores culpados serão mesmos os diretores que usaram e abusaram de subcritérios manhosos. 

Se o "chutar para o canto" das culpas continuar por este caminho, qualquer dia os culpados das "ilegalidades" nas contratações de escola serão os professores que concorreram aos horários, sabendo que os subcritérios eram "manhosos". 

Enfim...

10 comentários:

  1. Os culpados sao os politicos e os diretores. Os diretores porque estão entre os politcos de secretária e que nao tem a noção da realidade, e entre a relaidade docente.

    Sabendo de tudo, primam por manter o lugar deles imaculado, e o seu tacho garantido assim cumprem tudo o que o mec manda,(alguns até sao mais papistas que o papa) mas não cumprem para a vera pereira que até é filha da vizinha e faz um favor de ir passear o cao, quando a sua excelencia, a corrupta da diretora, tem que ir para a escola.

    Como se não bastasse, quando chuta em 50 professores contratados para o despedimento coletivo, faz uma reunião e chora. Mas esquece-se que na semana atrás mandou uma carta a todos os contratados a elucidar que o contrato nao seria mais renovado para poupar mais uns tostões, mas isso não explicaou aos desgraçados que já ganham demais.

    È assim a hipocrisia.

    Qualquer semelhança com a realidade é pura coincidência.

    ResponderEliminar
  2. O pais não tem futuro, tem incomPetentes , hipocritas e tudo o que educação nao deu, numa quantidade muito superior ao que seria expectável da normalidade.

    PORTUGAL ESTA CONDENADO.

    ResponderEliminar
  3. E como se o anteriro não bastasse,a justiça não funciona e o resto... também não, tudo num vórtice criado pelas seitas que controlam os dinheiros do pais e que têm um plano a nível mundial.
    Para se resolver o problema tem que se ir ao fundo da questão, mas niguem quer saber de teorias da conspiração, acham que é tudo demasiado grave para ser verdade, assim enfiam a cabeça na areia e esperam por aquilo que nunca virá.

    ResponderEliminar
  4. No tempo de salazar, as leis iam para as escolas e todos os criterios estavam escarrapachados no papel, e ai daquele que não cumprisse.

    Hoje me dia têm dificuldade em fazer coisas simples, ou será uma conveniência?

    ResponderEliminar
  5. Começo a pensar se não será melhor introduzir a regra de identificação com algum tipo de nome/nickname. Começo a fartar-me de tanto "anonimato".

    ResponderEliminar
  6. Os directores que inventaram critérios manhosos deviam ser penalizados.

    Mas a verdade é que o Crato tem muita culpa de tudo isto. Se tivesse tido o cuidado de regulamentar o concurso com critérios justos e objectivos, teria evitado esta trapalhada toda.

    E também é preciso dizer que o Crato só agiu quando os casos se tornaram mediáticos.

    ResponderEliminar
  7. Era expectável que os "Senhores Diretores" não assumissem responsabilidades.

    Hoje, mais do que nunca, sou da opinião que os "Senhores Diretores" são um cancro nas escolas portuguesas.

    ResponderEliminar
  8. Ricardo, tipicamente portuga. A culpa ou morre solteira ou em casos mais emblemáticos, a culpa é dos outros.
    Como diz o outro: deixa-me rir....

    ResponderEliminar
  9. Se for para concorrer a nível nacional prefiro ficar contratada e concorrer a escolas só da minha área.
    Já não tenho 25 ou 30 anos, tenho família,filhos a precisar de mim e felizmente um pequeno negócio familiar ao qual me tenho de agarrar se alguma coisa correr mal.

    ResponderEliminar
  10. Pois, parece que todos sofrem com isto. Uns mais outros menos... Uns sofrem porque parece que querem, outros sofrem porque não têm outra solução e precisam disto.
    Enfim, nunca mais abrimos os olhos e remamos todos no mesmo sentido (diretores incluídos).

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...