sexta-feira, 20 de março de 2009

Segundo o Governo, o número de voluntários masoquistas aumentou.



Comentário: Conforme se pode ler no artigo, e "de acordo com o Governo, há um número cada vez maior de docentes aposentados disponíveis para trabalhar com as escolas com vista a partilhar com os seus pares conhecimentos e saberes adquiridos ao longo de uma vida profissional". A sério?! Então a maior parte deles foi «embora», por não aguentar com tanta mudança (para pior), e agora estão disponíveis para voltar?! Só se estiverem completamente loucos e forem bipolares. Os colegas que se reformaram nestes últimos 5 anos, não irão voltar de certeza, pois têm um conhecimento profundo da realidade escolar actual. Quanto aos restantes, apenas isto: Há por aí muita gente que ainda terá uma ideia romântica da educação em Portugal... Outros terão apenas imensas ideias... Será destes dois grupos, que deverão vir os voluntários. Se existirem...

Para cúmulo, o voluntário ainda terá de elaborar um relatório anual, no final de cada ano lectivo, no qual deve constar uma auto-avaliação. É agora que me posso rir?

9 comentários:

  1. É também por isto, esta mentalidade submissa e resignada, que a desmoralização da classe acontece. É difícil unir uma classe mas é ainda mais difícil mantê-la unida de uma forma coerente. RICARDO PARABENS PELO SEU BLOG.

    ResponderEliminar
  2. Ricardo, queres ver onde está a jogada?
    O que está nosite que te vou dar ainda não pode ser aplicado nas escolas. Adivinha a partir de qdo vão ser possível aplicar isto às escolas?
    http://portal.iefp.pt/portal/page?_pageid=277,146696&_dad=gov_portal_iefp&_schema=GOV_PORTAL_IEFP

    ResponderEliminar
  3. O site correcto é
    http://portal.iefp.pt/portal/page?
    _pageid=277,146696&_dad=gov_portal_iefp&_schema=GOV_PORTAL_IEFP

    (cortado em page?)

    ResponderEliminar
  4. Há professores que não se sabem respeitar.
    Certo o ditado que diz " quanto mais a pessoa se baixa mais o ... lhe aparece".
    O que é lamentável é que pela falta de dignidade de uns a classe toda não passe de uns "zecos".

    ResponderEliminar
  5. Incongruências do ME, no mínimo.
    Enquanto os Profs não tiverem autoridade; os alunos forem obrigados a ir à escola e a estudar até aos 18 anos; não for valorizado o conhecimento.

    ResponderEliminar
  6. Não será isto um estratagema para infiltrar pides nas escolas?

    ResponderEliminar
  7. Olá Ricardo,

    Por favor preciso da sua ajuda.
    Sou professora colocada no Ensino de Português no Estrangeiro.
    Os professores para leccionarem no Estrangeiro passarão a contratos de Comissão de Serviço.
    Ora eu pergunto, presumindo que este ano entre no quadro e atendendo que entrarei no quadro de nomeação provisória (logo haverá o período probatório)poderei dar aulas no EPE (comissão de serviço)?

    Daniela

    ResponderEliminar
  8. Para Daniela: Peço desculpa, mas esse é um dos temas que não domino por completo. Se existir por aí algum colega que possa ajudar, agradeço.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...