quinta-feira, 26 de julho de 2007

Componente não lectiva fora do horário.

No Jornal de Notícias de 26/07/2007: "O Ministério da Educação vai fixar por despacho que, nos horários dos professores, deve ser registado o total da prestação semanal de trabalho, sem contar a componente não lectiva. Por exemplo, direcção de turma ou de instalações, a coordenação de estruturas educativas, de ano ou ciclo, de Tecnologias de Informação e Comunicação, de clubes e projectos, de desporto escolar, acompanhamento de alunos fora das salas, acções extra-curriculares e frequência de acções de formação contínua.

Cabe aos conselhos executivos definirem o número de horas da componente não lectiva.

Quanto às novas equipas pedagógicas, devem acompanhar os alunos durante o ciclo de escolaridade. Compostas pelos professores das diferentes disciplinas, devem constituir a turma e analisar o percurso dos alunos.

Após o diagnóstico das dificuldades compete-lhes elaborar um plano curricular de turma com as estratégias a desenvolver e, no fim do ano, fazer o balanço. No apoio educativo, caberá ao professor titular de turma ou disciplina traçar o plano.

O professor que faltar entregará " sempre que possível" ao conselho directivo o plano da aula. Se não houver substituto devem ser feitas acções como salas de estudo, clubes temáticos, uso de computadores, leitura orientada ou actividades desportivas, oficinais, musicais e teatrais. O substituto deve registar no livro de ponto o sumário das actividades e o aluno, no seu caderno diário."

Ver Artigo Completo (Jornal de Notícias)
------------------------
Agora sim... Agora já acredito na teoria da conspiração. Prestação semanal de trabalho sem contar com a parte não lectiva?! Então este tipo de componente não lectiva (director de turma, cargos de coordenação, desporto escolar, etc.) não faz parte do nosso horário de trabalho na escola? Na componente não lectiva trabalha-se, e por vezes, ainda mais que a leccionar na sala de aula (quem é ou foi director de turma do terceiro ciclo, sabe do que eu estou a falar...). Tudo isto é MUITO ESTRANHO... "Cheira" a item de avaliação ou ainda pior... Qual será o verdadeiro objectivo desta medida? Será que retiraram este tipo de componente não lectiva para inserirem no horário de trabalho a preparação de aulas e elaboração (e correcção) de testes (por exemplo)? É que se for isso, ficamos a ganhar... Enfim... Terminando com as ironias... Será que ainda existem colegas que acreditam nas boas intenções de quem nos "governa"?
-----------------------

3 comentários:

  1. Então?!? Quem nos governa?? Eu até pensava que os tipos também vinham de uma agência de casting!!!

    ResponderEliminar
  2. Parece que estamos em Portugal... Qualquer dia, a UE ainda nos coloca sob soberania espanhola para ver se isto se compõe!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...