quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Eis o recuo...


Comentário: Já se sabe há algumas horas (os colegas que aceitaram colocação da segunda Reserva de Recrutamento (RR) receberam mensagem de correio eletrónico da DGAE) que o Ministério da Educação recuou na sua decisão de cumprir o que está legislado, o que por aquilo que tenho ouvido terá agradado a muitos, mas também terá provocado algum desagrado por parte de quem ficou colocado "mais longe" aquando da Contratação Inicial (CI) e da primeira RR.

Pessoalmente, considero que o Ministério da Educação (ME) esteve bem neste recuo... Se até 15 de setembro é considerado horário anual, haja alguma tolerância para o dia 16, principalmente se pensarmos que as colocações podiam ter saído com mais algumas horas de antecedência. 

No entanto, a minha linha de pensamento não me impede de continuar a considerar que este ME esteve mal nas colocações da Contratação Inicial e da primeira Reserva de Recrutamento, onde colegas melhor graduados ficaram mais longe e com horários menos bons. Dir-me-ão que é tradição... Mas já escrevi várias vezes, que lá por ser tradição não quer dizer que não se possa mudar, e a meu ver este ano ainda se introduziu mais um mecanismo de ultrapassagem na graduação (no caso, com a "libertação" tardia - isto é, apenas para a segunda Reserva de Recrutamento - dos horários da Mobilidade por Doença).

3 comentários:

  1. Pois é...e graças a isso, se já ia ser ultrapassada injustamente por vários abaixo de mim, agora serei ultrapassada por muitos mais... nada contra os colegas, mas sim contra o sistema!

    ResponderEliminar
  2. Mas ainda existe a INJUSTIÇA de não se fazer a contagem da mesma forma, numa situação semelhante, no ano letivo 2013/2014... mas como a mostarda não chegou ao nariz de todos nada se falou!!!

    ResponderEliminar
  3. Injusto! Injusto!
    Isto para com os professores que ficaram em CI e RR1 em horários incompletos e que ficariam colocados nos horários completos da RR2, se fossem lançados em CI e RR1. Por esse motivo é que se deveria seguir a Lei de forma rigorosa e não a sabor do vento.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...