segunda-feira, 20 de julho de 2015

Bolsa de Contratação de Escola - Minutas para comprovação dos parâmetros de avaliação referentes à avaliação curricular

A DGAE publicou hoje no seu sítio virtual (aqui), sete minutas relativas à comprovação dos parâmetros de avaliação referentes à avaliação curricular para as diversas Bolsas de Contratação de Escola (BCE). A informação da publicitação desta minutas já havia sido concretizada a 23 de junho (acolá), reportando-se as mesmas "à comprovação das questões enunciadas nos parâmetros de avaliação", que deverão ser "solicitados aos diretores dos respetivos AE/ENA, pelos candidatos, durante o processo de candidatura, caso não seja possível a comprovação através do registo biográfico".

Deste modo, as minutas que devem ser utilizadas pelos professores para solicitar aos diretores a comprovação de determinados parâmetros de avaliação a utilizar nas BCE, são as que se encontram abaixo. Utilizem os links que se encontram à esquerda da definição do parâmetro.

Minuta_Parâmetro 2: Qual a experiência profissional contabilizada em dias, em projetos de âmbito nacional, reconhecidos pela DGE?

Minuta_Parâmetro 3: Caraterize o seu nível de envolvimento na concretização do projeto que considera mais relevante

Minuta_Parâmetro 4: Qual a experiência profissional contabilizada em dias, na disciplina do GR a que se candidata.

Minuta_Parâmetro 5: Qual a experiência profissional contabilizada em dias, no ensino de inglês no 1º ciclo do ensino básico (Oferta Complementar e Atividades de Enriquecimento Curricular/ EPC)?

Minuta_Parâmetro 6: Qual a experiência profissional contabilizada em dias, na lecionação do grupo de recrutamento?

Minuta_Parâmetro 7: Qual a experiência profissional contabilizada em dias, na unidade de apoio especializado?

Minuta_Parâmetro 8: Qual o tempo de serviço contabilizado em dias, em que desempenhou funções (estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica, e outros, previstos nos diplomas das diferentes modalidades de ensino)?

Obviamente que estas minutas tentam uniformizar uma situação naturalmente confusa (e profundamente dado a problemas de comprovação de parâmetros), que poderia ser perfeitamente evitada se se utilizasse a lista de graduação nacional. Já aqui tive oportunidade de referir que estou em crer que este processo não agradará à maioria dos Diretores por implicar um forte gasto de tempo na seleção dos candidatos... E obviamente que estou a "falar" de Diretores sérios... aqueles que realmente selecionam.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...