quinta-feira, 19 de março de 2015

Da incapacidade...

...em compreender os motivos que levam alguns colegas a desconfiarem das minhas intenções quando aconselho após me terem solicitado auxílio.

Colegas, compreendam que aconselho sempre com a melhor das intenções, e que quando em dúvida (e são tantas...) sigo as indicações provenientes da DGAE (que é o caso da situação da manifestação de preferências para os QZP´s pré-2014 e QZP´s 2014).

E este meu desabafo vai muito além da questão da simples manifestação de preferências em termos de "provimento em QZP" ou "provimento em AE/Ena". Neste momento já estou saturado de quem considera que passar de QA/QEna para QZP é uma "despromoção" ou daqueles colegas QZP que consideram ser interessante ficar num qualquer QEna/QA a 2 horas de viagem do que se deixarem ficar em QZP e em mobilidade interna ficarem a 10, 15 ou 30 minutos de casa (por concorrerem em primeira prioridade). 

Não tenho de convencer ninguém às custas da minha sanidade mental. Se têm tantas certezas, concorram como querem e depois logo se vê...

12 comentários:

  1. Como o compreendo. É deixá-los sozinhos a ganir, passe a expressão.

    ResponderEliminar
  2. Obrigada pela ajuda. Concorri para mudar de QZP e a algumas escolas perto de casa, pelo menos o suficiente para ir e voltar todos os dias, pois gostaria de passar a viver na minha casa, não só aos fins de semana. Estou cansada de andar com as malas atrás. Tenho 43 anos e 20 de serviço. Não percebo quem prefere ficar longe...

    ResponderEliminar
  3. Podem sempre desistir das preferências... :p

    ResponderEliminar
  4. Sou QA (vaga negativa) e concorri para mudar para QZP. Nos dias que correm estar "preso" a uma escola não traz vantagens quase nenhumas. E mobilidade por mobilidade prefiro ser eu a decidir quando e para onde quero concorrer. Fui claro?

    ResponderEliminar
  5. Quem garante que um QZP fica perto de casa? Quem são os 1º a irem para a requalificação?

    ResponderEliminar
  6. Julgo uma tremenda injustiça que os QZP concorram em 2ª prioridade. Os concursos deviam ser todos pela graduação profissional.

    ResponderEliminar
  7. Os professores de QA e QZP deviam concorrer em igualdade de circunstancias à mobilidade. Contando apenas a graduação profissional.

    ResponderEliminar
  8. Ricardo, eu concordo contigo e até fiz o meu concurso pensando assim, no entanto, colegas meus concorreram para muito longe porque foram aconselhados por sindicatos que, segundo eles dizem, estão a fazer pressão para os QA serem sempre 1ª prioridade e QZP 2ª. Eu sou sindicalizada e acho isto uma aberração porque, na minha opinião, a graduação é a prioridade mais justa que existe, até no concurso externo!

    ResponderEliminar
  9. Boa sorte para todos e muita paciência! Obrigada pelo apoio e ajuda.

    ResponderEliminar
  10. Bom trabalho. Quanto ao resto, como dizia o outro, cada um que pedale na sua bicicleta.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...