quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Mais uma de muitas agressões

Professora agredida numa escola onde dezenas de pais acorreram devido a falso caso de ébola 

Comentário: Quando me deparo com um caso de agressão a um colega de profissão, e tenho oportunidade de ler qual a situação que conduziu a tal infeliz desfecho, não consigo deixar de pensar que algo similar me poderia ter acontecido, até porque algumas das regras que os colegas agredidos tentam implementar, são as mesmas que eu tento implementar.

Relativamente à situação da não apresentação de queixa por parte da docente... Bem... Embora compreenda o que possa estar na base de tal decisão, não me parece nada boa ideia. Até porque, à partida estaremos a falar de um crime semi-público, e sem queixa, nada feito. Bem sei que o medo é um bom ingrediente para a sobrevivência, mas existem limites. E um dos limites será o da nossa dignidade enquanto pessoais, mas acima de tudo enquanto docentes.

Ainda faltaria comentar as declarações do representante dos encarregados de educação, mas ultimamente o meu tempo é demasiado escasso para o perder com idiotices menores.

2 comentários:

  1. Só num país entregue ao demónio do inferno e na desgraça é que se vêem absurdos destes! Onde é que já se viu tamanhos desaforos num Estabelecimento de Ensino Público?? Isto só pode ocorrer quando um Estado se demite das suas verdadeiras responsabilidades e não sabe fazer passar para a população que aquele local é sagrado e é para ser Respeitado! E se for preciso tratar de algum assunto, todos deveriam saber como proceder!! Assim andamos a assistir a coisas degradantes, inadmissíveis e imperdoáveis!! Aqui que se faça Justiça a sério!! Isto é inadmissível!!Mas que raio é isto???!!!!

    ResponderEliminar
  2. Será que os pais não têm razão? é preciso ver para os dois lados

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...