terça-feira, 25 de junho de 2013

Para os lados da FNE

Compromisso obtido pela FNE salvaguarda o futuro dos professores  

Comentário: Não concordo totalmente com o facto do nosso futuro estar salvaguardado... Aquilo que foi conseguido - independentemente do ângulo de análise - foi um adiamento por um ano no que concerne à mobilidade especial.

Quanto ao resto, a "vitória" foi principalmente ao nível da clarificação de algumas situações, do recuo na questão da não inclusão da direção de turma na componente letiva e da não atribuição de serviço letivo a quem está à espera de se aposentar.

3 comentários:

  1. No final, "ressuscitaram-se" as medidas apresentadas no dia 6 de Junho, pelo que toda esta situação poderia ter sido evitada se os sindicatos tivessem assinado o acordo logo a 6 de Junho. Novidade importante, só a questão da direção de turma, que também poderia ter sido conquistada logo a 6 de Junho.
    Quanto ao adiamento da mobilidade especial para 2015, este adiamento já havia sido apresentado há um mês atrás.
    Quanto ao verdadeiro combate, este terá de ser feito, uma vez mais, junto do Tribunal Constitucional que, certamente, não irá deixar passar como legal a mobilidade especial...

    ResponderEliminar
  2. Andei a fazer greve para isto? Perco 4 dias de salário para ver a questão da mobilidade adiada para fev de 2015?
    Que palhaçada vem a ser esta?
    Afinal o palhaço não está só em Belém...

    ResponderEliminar
  3. Aquelas horas que serviam para completar a componente letiva dos horários incompletos servem agora também para impedir a existência de horários zero! Logo, a questão da mobilidade deixa de se colocar... Isto não é uma conquista?! As escolas bem precisam de professores que ajudem os alunos com dificuldades! É bom para todos!
    Inês Gonçalves

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...