sábado, 20 de outubro de 2007

Professora com cancro substituída na segunda-feira.

No sítio da Rádio Renascença a 19/10/2007: "Por ser uma situação excepcional, a ministra da Educação decidiu intervir e, já a partir de segunda-feira, uma professora com cancro de uma escola em Ovar vai ser substituída.

A docente deixa de dar aulas enquanto espera por uma nova decisção da Caixa Geral de Aposentações (CGA).
(...)
Em declarações à Renascença, a ministra da Educação acha que o caso passou dos limites.

"Decidi intervir porque parecia um caso sem solução e, aparentemente, a chegar aos limites daquilo que é suportável, e o limite daquilo que é suportável tem que ver, sobretudo, com os alunos e com as condições que os professores têm para garantir condições de ensino e ensino e aprendizagem com qualidade", explica Maria de Lurdes Rodrigues.

"Foi criada uma situação em que não era aceitável para as crianças terem um quotidiano de contacto com uma professora que não tem, visivelmente, condições para estar ao serviço e é necessário intervir. Penso que é uma intervenção excepcional, porque também o caso é excepcional", sublinha a ministra.

Maria de Lurdes Rodrigues diz que já acompanha o caso desde o início do ano, mas decidiu hoje intervir, por sinal, no dia em que os pais dos alunos desta professora se manifestaram à porta da escola da Ovar para exigir a substituição da professora, caso contrário ameaçavam impedir os filhos de voltar às aulas.

Quanto ao futuro profissional desta professora, a ministra da Educação diz que é preciso esperar pelo parecer de nova junta médica e que depois decide se é ou não necessária nova intervenção.(...)"

Ver Artigo Completo (RR)

------------------------
A vontade de tecer comentários relativamente a esta "intervenção divina" da ministra é bastante grande... E acreditem que não seriam os melhores! No entanto, e por respeito que a colega em questão merece vou abster-me de os fazer.
-----------------------

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...