quinta-feira, 12 de julho de 2007

Realmente estamos num "Mundo Cão"!



Em virtude dos últimos acontecimentos, a verdade é que só nos vão dar razão quando estivermos num caixão! Espero não ler mais nenhuma notícia com casos de professores com cancro aos quais lhe foi recusada a reforma pela CGA... É realmente revoltante. Sendo este um espaço público não posso escrever tudo o que me vai na alma, mas que me dava vontade de classificar com termos impróprios estes elementos das juntas médicas... isso dava! Desculpem o desabafo...

A propósito... Se acham que esta situação vos toca de alguma forma, então imaginem a revolta de quem está directamente "ligado" a estes casos. Provavelmente não conseguem imaginar! Ninguém o consegue fazer, se não estiver envolvido... é demasiado mau. Fica aqui o link para o blog da filha da nossa colega Manuela Estanqueiro, que faleceu com leucemia:

A VERDADE ACIMA DE TUDO

Música dos "Mundo Cão" (Tema: O Caixão da Razão).

2 comentários:

  1. Bom dia!

    Muitas vezes passo por aqui para saber de novidades.
    Aprecio muito o trabalho realizado neste blog.

    Sou professora de Matemática, sem colocaçõa... Mas tive a sorte de ficar a dar formação de Matemática a vários cursos de formação pós-secundária.
    São adultos, quase todos muito responsáveis e empenhados.

    É com enorme satisfação que dou estas aulas. É um ensino que (quase) não existe :(
    As saudades que eu já tenho, embora ainda esteja a dar aulas...

    É com grande revolta que "assisto" ao que estão a fazer ao nosso ensino.
    Já fiz outra licenciatura e preparo-me para o mestrado... Penso seriamente na possibilidade de fugir ao ensino (com muita pena minha)

    Força para todos aqueles que continuam a lutar todos os dias pela verdadeira qualidade do ensino!

    ResponderEliminar
  2. Olá, colega...

    Fico feliz por saber que de alguma forma este blog te ajuda. Espero que continues a visitá-lo. Se tiveres sugestões para melhorar este espaço, existe um email à disposição.

    Quanto à revolta que sentes: não és a única. Eu também me sinto revoltado! Cada vez mais...

    O problema é que uns se "expressam" através de revoltas "silenciosas" (que não têm nenhum efeito). Mas quanto a estes não vou tecer considerações, pois na minha opinião não as merecem.

    Outros "expressam-se" e as suas revoltas são "silenciadas". Mas silenciadas ou não, devemos sempre continuar a tentar. Nunca perdendo a noção da realidade, aceita o meu conselho: Não desistas de lutar pela qualidade da nossa educação.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...