sexta-feira, 17 de novembro de 2006

Protesto convocado por SMS e Internet.

No site da SIC Online a 16/11/2006: "Alunos do secundário manifestam-se contra aulas de substituição.

Alunos de escolas secundárias em vários pontos do país organizaram esta manhã protestos contra as aulas de substituição. A acção foi convocada, ao longo dos últimos dias, por mensagens de telemóvel e pela Internet.

Na escola Filipa de Lencastre, em Lisboa, havia esta manhã dezenas de alunos em protesto na sequência de uma convocatória por SMS para uma "greve nacional de alunos", hoje, "contra as aulas de substituição".
"Greve de alunos 16 de novembro contra as substituições. mensagem a rodar. passem!" é a mensagem que circula desde o início do mês por telemóveis e por sistemas de conversação instantânea na Internet, disse à Lusa um dos alunos daquela escola.

Polícia em escola na Pontinha

Também nas escolas Fonseca Benevides e Secundária da Pontinha, ambas em Lisboa, os alunos realizaram protestos, fechando os portões a cadeado.

Noutra escola da Pontinha, a Básica do Segundo e Terceiro Ciclos, os alunos impediram a entrada dos professores cerca das 8h30 pelo que os docentes tiveram de chamar a polícia.

De acordo com uma professora daquela escola, apenas às 9h00 e depois de intervenção policial os docentes puderam entrar no recinto.

Protesto chega à Madeira


Também hoje de manhã os alunos da escola Secundária e de Ensino Básico Pedro Nunes, em Alcácer do Sal, realizaram uma concentração à porta da escola, seguido de um desfile pelas ruas de Alcácer.

Os estudantes protestam contra os exames nacionais, pelo fim das aulas de substituição, pela implementação da educação sexual nas escolas e contra os e levados custos do ensino.

Os alunos da Escola Básica e Secundária da Ponta do Sol, na Madeira, mantiveram encerrados durante cerca de 30 minutos os portões do estabelecimento de ensino, em protesto contra as aulas de substituição.

Um outro aluno, da Escola Secundária de Miranda do Corvo, disse à Lusa ter recebido o SMS, mas afirmou que a associação de estudantes desta escola optou por não aderir ao protesto."

Ver Artigo Completo (SIC Online)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...