segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Ai! O amor...

Ela é ruivinha cenourinha, cheia de sardas, olhar meigo. Ele é a versão humana do escuteiro do Up Altamente, decidido e destemido. 
Ela: Sabes, chicha («chicha» significa «teacher» em Inglês/1.º ciclo), nós namoramos. 
Eu: Oh! Mesmo?! 
Ela (estendendo o braço e abrindo a mão toda): Tenho cinco namorados! 
Eu: Ai! E ele não se importa? 
Ele: Não! Eu também tenho duas namoradas! 
Eu: Hum… Pronto, então… Vamos é começar a aula, está bem?
Não tarda nada, apanho um bilhetinho que ela lhe estendeu à socapa: «Amo-te, fofo». A assinatura é um coração com a respetiva inicial. Não consigo arrumar aquele tesourinho na minha gaveta. Coloco-o, então, em cima da mesa do miúdo: «Vá, esconde lá isto e guarda-o bem até ficares bem velhinho!» Logo, logo – era de se esperar –, dou com o rapaz a escrever também um bilhetinho. 
Eu: Agora vão passar a aula toda com bilhetinhos, querem ver?! 
Ele: A aula toda, não, chicha! Ela escreveu-me, tenho que lhe responder! (Isto tudo com o ar nobre de quem tem honra e dignidade...) 
Ia fazer o quê?! Se eu até acho que ele tem razão?! Dei uma espreitadela: «Amo-te muito, fofa» e o tal coração com a inicial… 
Eu: Vão ter que aprender a aprimorar estas coisas! 
Fitaram-me, com o olhar de quem não percebeu nada, e eu desejei que eles passassem ainda uns largos anos sem perceber…

2 comentários:

  1. Há uns anos, ouvi a chamarem constantemente "Tixa" à colega de inglês com a convicção de que aquele era o nome dela!!!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...