quinta-feira, 28 de julho de 2016

Confirma-se


Comentário: Iniciei a minha atividade docente com 21 anos e quase sempre desde esse momento tenho sido o mais novo nas escolas por onde tenho passado... E não é que eu não admire a abundância da "experiência", mas sinto sempre que algo mais (e eventualmente melhor) poderia ser feito com uma injeção de "sangue novo".

Mais uma vez, estudos como estes são periodicamente concretizados e divulgados, chegando-se inevitavelmente à conclusão que a classe docente portuguesa está cada vez mais envelhecida...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...