quinta-feira, 31 de março de 2011

Professores classificadores em formação na interrupção lectiva...

Bolsa de Professores Classificadores - Formação na interrupção lectiva

Comentário: Os colegas do blogue Ad duo acabaram de disponibilizar um email proveniente do GAVE, com o assunto "Bolsa de Professores Classificadores - Informação aos Directores de 29 de Março de 2011". Apenas transcrevo uma parte do mesmo, no entanto, será relevante a leitura total da informação:

"A programação da formação de professores classificadores previa a realização de uma componente presencial, a decorrer em dois dias consecutivos, sexta-feira e sábado. Com esta opção procurava-se minimizar o impacto decorrente da impossibilidade de comparência dos docentes envolvidos na formação às actividades lectivas e não lectivas durante um período de dois dias.

Uma vez que a referida programação, ao implicar a mobilização de um dia de descanso complementar, suscitou alguns constrangimentos, torna-se necessário proceder a uma nova calendarização das sessões presenciais, as quais passarão a decorrer, maioritariamente, nas seguintes datas:
dias 14 e 15 de Abril;
dias 16 e 17 de Junho.(...)"

Continuam as "brincadeiras" com a saúde psicológica dos professores...

6 comentários:

  1. Meu amigo, essa mania de estar sempre a reclamar! ;)
    Primeiro reclama-se porque não há formação gratuita, depois porque a formação calha a um sabado e agora porque nas é nas "férias"! ;)

    ResponderEliminar
  2. Interrupção lectiva não é sinónimo de férias! É por esta e por outras que até é popular ver "malhar" no professores! Nem sei mesmo se não se chega a dar votos a quem os queremos tirar! Haja bom senso!
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  3. A minha reclamação (e sim, reclamo muito e ajo em conformidade) apenas se deve às alterações em "cima do joelho", relativas ao calendário da formação. Então estas complicações ao nível das deslocações vs horários de trabalho vs vida pessoal não eram perfeitamente previsíveis?

    É nisso que me referia quando escrevi "saúde psicológica".

    Ai ai ai... Sou eu a reclamar e tu a ver "maldade" em tudo quanto é sítio. Eh eh eh eh...

    Abraço.

    ResponderEliminar
  4. Eram 3 trabalhadores que plantavam árvores, cada um com a sua tarefa específica. Um que abria buracos, outro colocava a árvore e o terceiro tapava o buraco.
    Certo dia o trabalhador que colocava a árvore adoeceu e faltou. Nada que demovesse os outros... um faltou, mas o trabalho deles tinha de ser feito!
    E lá continuou um a abrir o buraco e de seguida o outro diligentemente tapava!

    Pois...

    ResponderEliminar
  5. Concluindo a culopa é do que abre o buraco! ;P


    Voltando ao comentário inicial, só o destinário era uma brincadeira, como sabes. O resto é muito a sério. Sabes que já ouvi quem reclame porque tinha uma viagem marcada!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...