quinta-feira, 21 de junho de 2007

Juventude Popular pede demissão da ministra Lurdes Rodrigues.

No site do PortugalDiário a 21/06/2007: "A Juventude Popular (JP) pediu hoje a demissão da ministra da Educação, acusando Maria de Lurdes Rodrigues de autismo, prepotência, injustiça, mentira, falta de rigor, arrogância e incompetência.

«A demissão da ministra é inevitável neste Estado democrático. Queremos mais rigor, consequência nos actos e liberdade», sublinha a comissão política nacional da JP, em comunicado.

A estrutura autónoma do CDS-PP denuncia «sete pecados políticos» cometidos pela ministra da Educação.

Em primeiro lugar, a JP acusa Maria de Lurdes Rodrigues de ter agido com autismo, «sem escutar devidamente os agentes educativos».

Por outro lado, a JP acusa a ministra de prepotência, que considera ter ficado clara no caso do processo disciplinar instaurado ao professor Fernando Charrua por alegadamente ter insultado o primeiro-ministro e na recente expulsão da Associação dos Professores de Matemático no processo de avaliação da área.

«A liberdade de expressão, contemplada na constituição, jamais poderá ser posta em causa e muito menos limitada por representantes do Ministério que assim respondem a uma discordância formal«, salienta o comunicado.

A JP acusa ainda Maria de Lurdes Rodrigues de injustiça, pela decisão de, no ano lectivo 2005/2006, autorizar a repetição dos exames de Física e Química, agora declarada inconstitucional pelo Tribunal Constitucional.

Mentira, falta de rigor, arrogância e incompetência são os outros pecados que a Juventude Popular aponta à ministra da Educação e que considera terem apenas uma conclusão.

«Só podemos chegar à conclusão que a incompetência impera e necessita de ser extirpada (...) Queremos a demissão de Maria de Lurdes Rodrigues!», conclui a JP, estrutura liderada por Pedro Moutinho."

Ver Artigo Completo (PortugalDiário)

Autista, injusta, mentirosa, arrogante, prepotente e incompetente... Isto não são comentários irónicos e subjectivos! São afirmações que não suscitam dúvidas e sem meios de transporte "bufista"... Não é por nada, mas os elementos da JP que se cuidem! Por bem menos, foram censurados blogs (e autores julgados) e professores foram suspensos de funções. Estamos nós tão bem e vem a Juventude Popular dizer estas coisas da nossa querida ministra. Ainda por cima quando todos os "adjectivos" acima mencionados corres... opps... não correspondem à verdade! Injustiças... é o que eu vos digo...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...