sexta-feira, 9 de fevereiro de 2007

CONCURSOS 2007.

Relativamente à dúvida sobre quem concorre no concurso 2007/2008, depois de ler várias vezes o D.L. 20/2006, e conjuntamente com informações recolhidas junto a colegas que foram a reuniões de sindicatos por este país fora, a MINHA INTERPRETAÇÃO é a seguinte:

Os QZP terão de "concorrer" agora (provavelmente em Março) para na eventualidade do horário da escola onde se encontram a leccionar se extinguir, serem sujeitos a nova colocação. Se o horário na escola não se extinguir, não vão a concurso permanecendo na mesma.
Os contratados cujo horário completo da escola onde se encontram a leccionar, não se mantiver (ou seja, "desaparecer" ou diminuir) terão também de ir novamente a concurso, não havendo como tal, renovação de contrato pelos 3 anos. Como tal, também terão de "concorrer" agora (provavelmente em Março).
Como as escolas só sabem o que vai acontecer aos horários, no final do ano lectivo (têm de ser ponderados vários factores, como por exemplo o n.º de alunos, situação de outros colegas, etc.), teremos todos (QZP e contratados) de concorrer nos próximos concursos, não sabendo ainda em que moldes. Atenção que posso estar errado, no entanto, agradeço comentários a este post.

1 comentário:

  1. nterpretação. É tb a minha interpretação. Se os concursos forem agora, ninguém terá condições para renovar. Enquanto não houver regulamentação, encontramo-nos todos em cada concurso anual. E vamos dando graças por haver concursos: qualquer dia, só será necessário cartão de militante do partido que estiver n Câmara...

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...